Minha convidada nasceu em Vila Velha há 31 anos. Filha única, praticou diversas modalidades esportivas como o futebol, handebol, ginástica olímpica, vôlei, escalada, hipismo e até a vela.

Formou-se em direito e no ano seguinte foi fazer seu mestrado   na UFMG em Belo Horizonte. Lá praticou karatê por alguns anos e também decidiu a usar a bicicleta como meio de transporte. Desde então sua ligação com a bicicleta só aumentou, ao ponto de se tornar uma propagadora da cultura ciclista e da inclusão de mais mulheres na modalidade.

Ela acredita que incentivar mulheres é incentivar todos ao ciclismo. Quando uma mulher pedala, muito mais pessoas pedalam. Para ela hoje, a bicicleta vai muito além da saúde física ou do esporte.

Conosco hoje a advogada, doutoranda e pesquisadora em mobilidade urbana por bicicleta, assessora da procuradoria do Município de Contagem na área de Direito Urbanístico e Ambiental, ciclista, cicloativista, vegetariana flexível, podcaster, uma desbravadora sobre duas rodas e pioneira representante das mulheres na modalidade do gravel, a canela verde Helena Carvalho Coelho.

Inspire-se!

SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts.

Contribua também com este projeto através do Apoia.se.

SIGA E CONHEÇA MAIS SOBRE A HELENA E ALGUNS ASSUNTOS MENCIONADOS NA CONVERSA DE HOJE ATRAVÉS DOS LINKS A SEGUIR.

Instagram

Instagram Mulheres de Gravel

Facebook

Beco da Bike – Pedalando pelo Clima com Helena Coelho

Training Camp Mulheres de Gravel

Mini documentário Mulheres de Gravel

Perfil da Helena no Strava

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *